+55 (67) 99166-3592
terça, 25 de setembro de 2018
Governo

Presídio Masculino de Corumbá recebe 130 novas vagas para acomodar internos

07 DEZ 2017Por: Daniela Ramos12h00
Descerramento da placa foi feita pelos principais responsáveis pela segurança do Mato Grosso do Sul.Descerramento da placa foi feita pelos principais responsáveis pela segurança do Mato Grosso do Sul. / Daniela Ramos

O Presídio Masculino de Corumbá foi contemplado na manhã desta quinta-feira (07) com 130 novas vagas. A obra de ampliação e adequação atende as medidas de segurança necessárias para o bom funcionamento do local, a inauguração aconteceu em 2014, porém por não atender os requisitos não foi ocupada pelos internos que antes contava com apenas 95 vagas.

“Com essa nova ampliação temos 130 novas vagas que no início eram apenas 95 vagas construído pelo Departamento Penitenciário (Depen). Fizemos a ampliação de mais vagas e que até então não havia sido ativado, pois era feito de tela e não atendia os requisitos de segurança e mudamos para grades,” explicou o Diretor do Presido Masculino de Corumbá, Mauro Augusto Ferrari.

Para essa ampliação os internos participaram diretamente da reforma do espaço, onde contaram com a ajuda pros principais poderes para que fosse concluído.

“O investimento público na segurança no sistema carcerário que no quadro nacional é caótico é muito importante. Aqui em Corumbá essa obra é importante ressaltar que ela utiliza mão de obra prisional, ressaltando apoio do poder judiciário, do Ministério Público e da Agepen,” falou o Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública José Carlos Barbosa.

Secretário visitou a nova ala juntamente com o comandante da PM e o Direto do Presídio. Foto: Daniela Ramos

No total o presídio conta hoje com 358 vagas e tem cerca de 530 internos. Esteve presentes na ocasião o prefeito Municipal de Corumbá Marcelo Iunes, de ladário Carlos Ruso, o comandante geral da PM Waldir A Costa, o comandante do Corpo de Bombeiros André Delai Rufato, Delegado de Polícia Civil Pablo Gabriel Farias, e o diretor-geral da Agepen Audi de Oliveira Chaves.

Semi-Aberto

Foi anunciado para 2018 em Corumbá a vinda de tornozeleiras eletrônicas, para ajudar na fiscalização daqueles que tem o direito de trabalharem durante o dia, mas que volta para dormir no abrigo que hoje não tem sede própria no município.

"Além da construção de um semi-aberto temos alternativas como a utilização de tornozeleiras eletrônicas, onde o preso já está em semi-liberdade e a tornolezeira possibilita um acompanhamento maior, sendo que o MS irá contar 2 mil, inclusive para Corumbá,” falou Barbosinha.

 

Comentários
Veja Também
Divulgue 2