+55 (67) 99166-3592
sábado, 15 de dezembro de 2018
cassems

Troca de tiros termina com um morto e 5 detidos; vítima fatal é apontado como principal autor do duplo homicídio

07 DEZ 2018Por: Leonardo Cabral15h30
Pertences levados do Sítio das vítimas foram apreendidos pelos militares da Força TáticaPertences levados do Sítio das vítimas foram apreendidos pelos militares da Força Tática / Fotos: Corumbá Agora

Cleiton da Silva Lima, de aproximadamente 21 anos. Esse é o nome do rapaz morto após troca de tiros com militares da Força Tática, por volta das 13h, desta sexta-feira, 07 de dezembro, no bairro Jardinzinho. Ele é apontado como principal suspeito pela morte Cícero Manoel da Silva (49) e Francisco Bernardo da Silva (47), ocorrida em um sítio, localizado nas proximidades do assentamento Urucum, no início da tarde de ontem (06).

Conforme apurou o Corumbá Agora, na tentativa de prender Cleiton, mais quatro homens e uma menina foram apreendidos, entre o grupo, dois menores e três maiores de idade. Dos detidos, três são irmãos de Cleiton.

Denúncia anônima levou aos policiais se deslocarem até uma casa no bairro Cravo Vermelho, local onde estavam os materiais roubados do Sitio. Lá foram apreendidos cinco armas de fogo, sendo três espingardas e dois revólveres, bem como pertences de Cicero e Francisco.

Porém, os policiais receberam informação de que Cleiton estaria em uma casa, no bairro Jardinzinho, local onde também estavam os outros cincos detidos. Ao chegar no local indicado, os mesmo avistaram Cleiton, que conseguiu fugir por uma mata, armado com um revólver. Já os outros receberam voz de prisão.

No entanto, parte da equipe entrou na mata atrás de Cleiton, que ao perceber que estava sendo seguido, disparou inúmeras vezes contra os militares, que revidaram. Na troca de tiros, Cleiton foi atingido com um disparo na barriga, não resistindo ao ferimento, vindo a óbito no local.

Diante da situação, todos os outros detidos foram levados para à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com os materiais recuperados, para providências cabíveis. 

Comentários
Veja Também