+55 (67) 99166-3592
terça, 13 de novembro de 2018

Em Corumbá, Operação Dínamo fiscaliza uso de explosivos

14 SET 2018Por: Leonardo Cabral13h10
Fiscalização aconteceu em Corumbá também com apoio das froças armadasFiscalização aconteceu em Corumbá também com apoio das froças armadas / Foto: Corumbá Agora

O Exército Brasileiro, por meio da Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados (DFPC), encerra nesta sexta-feira, 14 de setembro, mais uma edição Operação Dínamo, que teve início no último dia 11. Ao todo, 12 regiões militares e abrangência em todo o território nacional foram visitadas pelas equipes, com a finalidade de fiscalizar todo o ciclo de vida de materiais explosivos e outros correlacionados controlados pela instituição.

Em Corumbá, conforme informações apuradas pelo Corumbá Agora, nada de relevante foi encontrado pela equipe, apenas documentações, sendo as empresas notificadas para corrigir o processo.

A operação está acontecendo em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e na cidade de Aragarças (GO), áreas de sua atuação e que conta com o apoio das polícias Rodoviária Federal (PF), Judiciária Civil (PC), Militar (PM) e Federal (PF) e da recém criada Agência Nacional de Mineração (ANM), antigo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).

A Operação Dínamo tem como foco intensificar a fiscalização de todo o ciclo de vida dos materiais explosivos e correlatos e durante as ações são verificadas as documentações, condições de segurança, controle de produção, armazenamento, comercialização, transporte e utilização de explosivos, com base nas normas em vigor.

Ainda, a fiscalização se estendeu a outros Produtos Controlados pelo Exército (PCE), de acordo com a necessidade e a conveniência, no decorrer da operação.

Resultados importantes

As atividades conduzidas pelo Exército, por meio do SisFPC/9 têm alcançado importantes resultados observados nas outras edições da Operação Dínamo e nas demais operações ocorridas ao longo do corrente ano. Todo esse empenho é direcionado para combater e prevenir os ilícitos com o uso de explosivos, o que tem contribuído, significantemente, com a segurança da sociedade e preservação da ordem pública, destaca a nota da 9ª RM.

A Operação Dínamo VI fiscalizou cerca de 750 estabelecimentos em todo o país, empregando aproximadamente, mil militares da força terrestre. As organizações militares que compõem o Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados da 9ª Região Militar estão realizando a fiscalização de 60 estabelecimentos, empregando aproximadamente 50 fiscais militares.

A fiscalização está prevista na Constituição Federal e em decreto de novembro de 2000.

Comentários
Veja Também
Divulgue 2